segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Conversa de bar.

- Te liguei e me pareceu que você não gostaria de ouvir minha voz.
- Talvez não quisesse.
- Sofres? 
- Um tanto, quanto. 
- Passando mal? 
- Dos males de sempre. 
- Banalidades.
- Na verdade. 
- Na verdade...
- Amor.